O CRIME PERFEITO E O POVO BRASILEIRO

É função primordial do Estado promover igualdade de oportunidades

View this post on Instagram

O CRIME PERFEITO E O POVO BRASILEIRO. Historicamente questionamos o porquê que o povo brasileiro sofre tanto, é tão empobrecido e não reage, pois bem, isso acontece pq no Brasil se comete o crime perfeito. Um exemplo claro foi na campanha à reeleição da Dilma Rousseff com Aécio Neves, a campanha do Aécio percebeu que no governo anterior, do Lula, não explicaram ao povo que estavam fazendo Política de Estado, diante disso, a campanha do PSDB falou para o povo que ele estava subindo de classe social graças ao seu próprio esforço, que alcançou a universidade graças ao seu esforço. A campanha da Dilma caiu nessa narrativa e não explicou também. Daí o povo brasileiro quando se vê empobrecido e sem alcançar a Universidade Pública de Medicina por ex, ele diz que é incompetente, que é incapaz. É função primordial do Estado promover igualdade de oportunidades, promover oportunidades para de se ter meritocracia, isso não foi embutido na consciência do povo. Então, quando o povo não cobra do Estado igualdade de oportunidades e se vê como incompetente e incapaz, se consuma o CRIME PERFEITO, que é transformar a vítima – que é o povo brasileiro – em réu, por isso o brasileiro não reage e o Brasil é o segundo País em maior desigualdade do mundo.

A post shared by Fernando PF Monteiro🌎 (@fernandopfmonteiro) on

Historicamente questionamos o porquê que o povo brasileiro sofre tanto, é tão empobrecido e não reage, pois bem, isso acontece pq no Brasil se comete o crime perfeito.
Um exemplo claro foi na campanha à reeleição da Dilma Rousseff com Aécio Neves, a campanha do Aécio percebeu que no governo anterior, do Lula, não explicaram ao povo que estavam fazendo Política de Estado, diante disso, a campanha do PSDB falou para o povo que ele estava subindo de classe social graças ao seu próprio esforço, que alcançou a universidade graças ao seu esforço.
A campanha da Dilma caiu nessa narrativa e não explicou também. Daí o povo brasileiro quando se vê empobrecido e sem alcançar a Universidade Pública de Medicina por ex, ele diz que é incompetente, que é incapaz.
É função primordial do Estado promover igualdade de oportunidades, promover oportunidades para de se ter meritocracia, isso não foi embutido na consciência do povo.
Então, quando o povo não cobra do Estado igualdade de oportunidades e se vê como incompetente e incapaz, se consuma o CRIME PERFEITO, que é transformar a vítima – que é o povo brasileiro – em réu, por isso o brasileiro não reage e o Brasil é o segundo País em maior desigualdade do mundo.

Por Fernando Monteiro

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *