Cuidado! Fiscais de Cataguases Estão no Limite!

Sem reconhecimento da população fica difícil trabalhar

Os fiscais do município estão esgotados pelo trabalho que muito das vezes não tem apoio da comunidade. Ameaças físicas, verbais e até de morte são as que acontecem diariamente.

Conscientes de que suas atuações refletem em decisões que nem eles gostariam de tomar, porém existe uma lei e ela tem que ser cumprida. Mesmo assim continuam exercendo com afinco a profissão que escolheram.

O trabalho desses profissionais aumentaram devido ao Covid-19. Decretos e normas mudando constantemente, exigiram uma dedicação maior na fiscalização.

Procuram em primeira abordagem o bom senso, tentando esclarecer ao cidadão de que alguma irregularidade tem que ser corrigida em detrimento de outros.

O que estão deixando os fiscais mais tristes e até com stress é a falta de respeito de alguns, como comentou abaixo as fiscais. “Sinceramente, estou esgotada com tanta falta de respeito, falta de empatia, falta de amor ao próximo” desabafou, Vânia(Fiscal), “Tá difícil, se este vírus não acabar, não sei se viveremos para contar a história”, Alice(Fiscal) concluiu. No final veremos que se não fosse esses servidores a situação estaria bem pior, as aglomerações acontecem a luz do dia.

”Para alguns críticos de plantão: Nós fiscais estamos na linha de frente para proteger vc e sua família colocando nossa vida e de nossa família em risco.
Fiscal não é vilão, fiscal cumpre a lei e protege a sociedade como um todo, mais respeito por favor! Pronto falei!” – Alice Clemente (Fiscal)

Tentamos o contato com o coordenador da fiscalização, sr Edmar Oliveira de Sousa, para nos relatar quais os riscos que mais sofrem e também saber dele a satisfação de exercer a profissão que muito colabora para o bom convívio dos munícipes. Até o fechamento da matéria não conseguimos completar a ligação.

Fonte: Páginas pessoais do Facebook

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *